quinta-feira, 21 de julho de 2011

Fundo do poço


Estou no escuro, jogada por de baixo desses grandes muros, parece banal, mas não é. Escuto tudo que não há som, eu procuro um rosto a cada esquina, um rosto que só eu sei bem todos os defeitos e traços, aonde eu penso nele todas as noites, e mesmo com tanta dor oferecida por esse ser, eu sangro em paz, como seria fácil fazer tudo o que digo, minha mente é esperta, feroz, sarcas, mas meu coração é tolo como um cordeiro indefeso, burro, fútil, incapaz de viver sem um mero prazer oferecido pelo dom de amar. Ai está minha revolta, minha psicose, confusão, distúrbio ou qualquer apelido sarcástico que você possa saber pra explicar toda essa minha vida de droga. É como se fosse a primeira vez sempre, um momento único, irónico sempre sofrer no adeus, isso é uma verdade? Toda essa perfeição existe? É pedir de mais um defeito? É sim ou não, não temos mais tempo pra sofrer, se não quiser pode ir logo embora, e não volte, por favor, não volte! Eu sempre volto, sempre volto, pro mesmo ponto de início, eu não aprendo nunca, jamais, seria um surpresa aprender a te ignorar. Estou acabada, essa é a verdade, seus amigos acham que tudo o que eu sinto se expirou, eu já não consigo ser feliz mais, desejo cada coisa nova que vejo em você, seu corpo, sua voz, tudo me fascina, como um droga, um vicio. Você entende o por que do meu calar? Do meu adeus repentino? Dos meus olhares fugitivos dos seus? Você entende o por que de tanta dor? Tanta dor... 
   Exaustão, o ponto fora de perigo, o pico da felicidade, você não sente dor, rancor, você está cansada de mais para achar qualquer coisa, brigar, gritar, sonhar. Dormir se tornou uma atividade ótima, eu durmo como uma louca fugindo da dor, como se inconscientemente eu não quisesse acordar nunca, morrer ali não seria tão ruim. Ninguém aguenta mais ouvir o seu nome saído dos meus lábios trémulos, meus olhos rancorosos já não consegue mais esconder tanta decepção, os meus ouvidos cansaram de tantas mentiras inventadas por você. O fundo do poço é assim: Você não liga de ser usada para consolo dele, use-me, eu adoraria te ajudar, eu nem ligo, você já apelou pra macumba, tia néné trás o amor em 3 dias, você já está magra, gostosa, bonita, você já é amiga de todos os amigos dele, a mulher da parada, dona do pedaço, promessa, já ficou tempo de mais esperando horas compatíveis como 00:00, você está no fundo do poço, na tramaia, no desespero, na vergonha, e ainda sim eu não cansei de você. 
    Eu estou feito uma drogada, rindo da minha situação lamentável, afinal só me resta rir mesmo, já que seu corpo não quer fluir pelos meus, seus lábios, seus lábios são rios que me jogam contra uma ribanceira, pra lá e pra cá, como um peixe sem direção, jogada nas águas do Fracasso, e seu olhos? Eu não sei o que seus olhos tem que consegue me prender, esquecer a raiva, e me fazer gostar tanto desse seu jeito estúpido, infantil e problemático. Amor, eu posso te perdoa quantas vezes você erra, mas isso não quer dizer que eu esqueci tudo o que você fez, eu não vou amar você pra sempre, lembre-se disso. Não entendo o por que de tantas frases sem paixão, tanta pena e apertos de mãos, será que você realmente acha que eu planejei amar você?

12 comentários:

  1. É o post é bastante sincero......

    ResponderExcluir
  2. parabéns pelo blog, vc escreve bem..
    otimoo

    http://www.hrdoblush.com/

    ResponderExcluir
  3. Lindo blog :D

    to seguindo teu blog, se puder segue de volta e comenta, please *-*

    www.luliskd.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. legal seu blog
    comenta no meu!
    http://crisarteamorvida.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Adorei...

    Visita os meus - http://wamatabrasil.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Tem um selinho no meu Blog pra vc ^^
    http://oque-sentimos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. aaai eu sou completamente apaixonada por esse blog é uma pena que você tem postado com pouca frequencia, mais você deve ter os seus motivos, Parabéns, acho perfeito tudo o que você escreve *-*

    ResponderExcluir
  8. Obrigada, é atualmente eu ando escrevendo pouco pro blog, mas ainda escrevo muito pra mim, vou postar com mais frequência, prometo! Obrigado pela sua adi miração

    ResponderExcluir